Se você está sofrendo ou já sofreu com problemas de infiltrações em laje, já sabe a dor de cabeça que eles podem trazer, não é mesmo? Para evitar este estresse todo é importante conhecer as principais causas da infiltração e trabalhar a prevenção.

Pensando nisso, desenvolvemos este post especialmente para explicar o que causa infiltração na laje. Continue a leitura para entender melhor e conferir dicas para evitar o problema!

O que causa infiltração na laje?

As grandes causadoras das infiltrações em laje são as falhas no sistema de impermeabilização e no escoamento das águas pluviais. O acúmulo da água e da umidade pode causar grandes problemas para a construção.

Se a sua laje contar com falhas, a água da chuva vai se infiltrar pela estrutura e pode atingir as barras de aço do concreto, iniciando um processo de corrosão. Quando não tratado rapidamente e da forma correta, esse processo pode levar ao desplacamento do concreto.

No caso dos condomínios, a infiltração na cobertura e nas garagens são os reflexos mais comuns de falhas nos sistemas da laje. Por isso é importante ficar atento a sinais como trincas e rachaduras na parede, assim como manchas e bolor.

Além de desvalorizar os imóveis, as infiltrações podem apresentar um risco para os moradores quando já estão mais avançadas. Além do perigo de alagamentos, a umidade pode comprometer toda a estrutura do condomínio.

Como evitar infiltração na laje?

Se você está se perguntando como evitar umidade na parede e no teto, consequências comuns das infiltrações em laje, existem algumas ações simples que podem te livrar dessa dor de cabeça bem rápido.

O principal é a prevenção, que deve ser feita por meio de manutenções frequentes para avaliar o sistema de escoamento e de impermeabilização utilizado pelo condomínio.

Além disso, confira essas dicas valiosas para ficar bem longe do estresse:

1.      Atenção aos sinais

Já falamos aqui sobre a importância de ficar atento aos sinais de infiltração, certo? Se você mora em um apartamento e identificou manchas na parede, trincas ou fissuras, comunique o problema ao síndico imediatamente para que ele tome as medidas necessárias. 

2.      Aplicação correta de materiais

Quando for instalar sistemas de impermeabilização ou de escoamento de água é essencial contar com uma equipe especializada e escolher materiais de qualidade. Optar pelo tipo de impermeabilização mais adequado para o local e ter uma mão de obra qualificada faz toda a diferença.

3.      Manutenção preventiva

A manutenção preventiva deve fazer parte do plano de ação do seu condomínio. Monte um cronograma para definir a frequência de checagem dos seus sistemas de impermeabilização conforme a recomendação do fabricante e evite imprevistos.

4.      Impermeabilização com injeção química

A impermeabilização com resinas feita por meio da injeção química é um método muito eficiente para resolver os problemas de infiltrações no condomínio. Além de combater o dano diretamente na fonte, esse procedimento não exige grandes obras e pode ser realizado sem transtorno aos moradores.

Quer saber mais sobre a impermeabilização com injeção química? Então conte com uma empresa de impermeabilização de confiança como a Superveda para garantir a segurança do seu condomínio!

WhatsApp WhatsApp